segunda-feira, 28 de abril de 2014

CDCC Posto Santo 8x1 CD Rabo Peixe (Crónica)

Realizou no Pavilhão da Escola Secundária de Rabo de Peixe o primeiro Campeonato Regional de Futsal Feminino na categoria de Júniores. Foi uma prova disputada nos dias 26 e 27 de Abril com a vitória em ambos os jogos do CDCC Posto Santo.

Dia 26 Abril – CD Rabo Peixe 3 – 5 CDCC Posto Santo
Dia 27 Abril – CD Rabo Peixe 1 – 8 CDCC Posto Santo

Com arbitragens de: Carlos Flores da AFAH, Pedro Rego e Milton Rocha da AFPD.

CD Rabo Peixe: Filipa Medeiros, Ana Aguiar, Fabiana Medeiros, Micaela Gil, Rita Teixeira, Jéssica Raposo, Nicole Silva, Cristiana Andrade, Catarina Farias.
Treinador: Fábio Almeida

CDCC Posto Santo: Dúlia Rocha, Beatriz Barcelos, Bárbara Oliveira, Fabiana Nunes, Ângela Toste, Adriana Benevides, Rafaela Marques.
Treinador: João Santinha

O Posto Santo entrou neste 2º jogo tranquilo, depois de uma vitória no dia anterior por uma diferença de dois golos. 
Logo no início do jogo a Adriana Benevides do Posto Santo rematou à trave com bomba dos 10 metros, estava dado o mote. E o CD Rabo Peixe não acusou a pressão e minutos depois a Cristina Andrade remata no interior da área com boa defesa de Dulia. 
Nesta 1ª parte o jogo das meninas da Terceira foi jogado com tranquilidade de pé para pé e abriu o activo com um remate cruzado da Beatriz Barcelos dos 10 metros. Foi também com algumas falhas na concretização que o Posto Santo falhou por Barbara Oliveira em frente da GR adversária. O segundo golo das terceirenses foi conseguido por jogada de insistência com remate de Ângela Toste com defesa incompleta de Filipa Medeiros. Com dois golos de Ângela Toste, e outro de Beatriz Barcelos o CDCC Posto Santo foi para o intervalo a vencer por 5 – 0.
No começo desta 2ª parte e numa atitude antidesportiva de Cristiana que se deitou no chão, “demostrando não querer jogar” e foi aí que começou o “desnorte” da equipa de Rabo de Peixe, atitude não punida pela dupla de arbitragem. E quando o jogo estava parado para uma reposição de bola na lateral a Catarina Farias, umas das boas praticantes de Rabo Peixe, correu em direção a uma adversária agredindo-a. Prontamente e bem, os dirigentes João Luís Vieira e Paulo Tavares entraram na quadra e acalmaram os ânimos exaltados das jogadoras do clube. A partir deste momento o jogo já não correu bem para o CD Rabo Peixe, pois já se pensava com o coração e não com a cabeça.
E foi com mais um golo de Beatriz Barcelos numa recuperação e bola que o resultado aumentou para 6 – 0. A GR de Rabo de Peixe Filipa Medeiros reduziu o marcador para 6 – 1 na transformação de uma grande penalidade, por mão na bola de Adriana Benevides, dentro da área do Posto Santo. 
O jogo terminou com mais dois golos do Posto Santo da autoria de Fabiana e Ângela estava feito o 8 – 1 resultado com que terminou o jogo.


Texto e fotos de José Araújo

Sem comentários:

Enviar um comentário